Para ler, se informar e se inspirar. Traduzimos aqui nossa paixão por aprender, compartilhar e ensinar! 

Arquitetura     |    Decoração e Interiores     |     Nossas Histórias     |     Viagens     |     Diário de Reforma  

Como escolher seu arquiteto?




Como escolher um arquiteto?


Tomar decisões não é fácil. E quando envolve um sonho, complica de vez. É o caso, por exemplo, do momento de escolher um arquiteto para projetar sua casa dos sonhos ou transformar tudo com uma grande reforma. É um processo trabalhoso, que envolve investimentos e é cheio de expectativas. Pode ser muito estressante, sim. Mas não precisa! Tem tudo para ser divertido e tranquilo. E um caminho mais leve começa com a escolha certa de um profissional. Listei abaixo algumas dicas de ouro para alcançar o match com o arquiteto ideal para você:


1- Acompanhe o trabalho do profissional:


Dê um tempo para tomar a decisão de quem contratar e aproveite para acompanhar o trabalho dos candidatos. Hoje em dia, muitos profissionais e escritórios usam super bem as redes sociais e seus sites para divulgar seus projetos. Dessa forma você pode já se familiarizar com as principais características deles, saber mais sobre o dia a dia e até como ele trabalha. Essa dica vale também para quando se recebe a indicação de algum profissional. É sempre importante lembrar que o que funciona para um não necessariamente funciona para outro, as pessoas são diferentes. Aceite a indicação, mas decida individualmente.


2- Conheça o estilo do profissional e se pergunte se combina com você:


A arquitetura é um processo artístico e técnico. O profissional desenha os móveis, sugere composição de cores, materiais, revestimentos, etc. Por meio desse trabalho, os arquitetos podem desenvolver uma assinatura pessoal, que pode ser notada em seus projetos. Isso define o estilo do profissional, que transparece no resultado final. Existem escritórios de arquitetura que tem um estilo muito bem definido e o cliente nem participa das definições. Há outros que fazem o cliente ser mais ativo nas decisões, resultando em projetos mais personalizados. O meu jeito de trabalhar é desenvolver cada projeto de acordo com as necessidades, a realidade financeira e personalidade de cada cliente, por exemplo. Ainda assim, o estilo do profissional estará presente na entrega final, então é importante que, ao escolher seu arquiteto, você se identifique com o estilo dele.


3- Entenda se você se identifica com o jeito do profissional:


É importante fazer uma reunião, presencial ou online, antes de contratar o profissional. Assim você consegue testar se a personalidade e o jeito dele combina com o seu. Trata-se de um trabalho longo, que pode durar meses. Então o ideal é que seja construída uma relação saudável e amigável entre o cliente e o profissional. Para isso, é preciso que o santo bata! Uma relação conturbada traz desgaste para todas as partes em um momento tão importante. Então o cliente precisa gostar do jeito do profissional e o arquiteto também precisa se identificar com o cliente. Há muitos profissionais no mercado e as pessoas são diferentes. Certamente há um match perfeito para você.


4- Defina se a metodologia de trabalho se enquadra no que você precisa:


Aproveite a reunião sugerida no tópico acima para perguntar e tirar dúvidas. Os prazos, as etapas, as revisões, os projetos, os orçamentos e muito mais são feitos de formas diferentes entre os arquitetos. E tudo isso define a metodologia de trabalho do profissional. Procure entender como essas questões funcionam antes de assinar o contrato. Assim pode se certificar de fechar um negócio mais adequado às suas necessidades. Lembre-se: ao contratar um serviço, você contrata uma metodologia e ela precisa ser o que você precisa.


5- Depois de escolhido, confie no seu arquiteto e curta o processo!


Após toda a análise e pesquisas, você terá escolhido um arquiteto que tenha a sua cara e que vai te atender como você precisa. Agora é sua hora de ser um bom cliente. Isso significa que é importante confiar no profissional que escolheu e que se mantenha aberto a ideias. A arquitetura não é apenas questão de gosto, há muita técnica envolvida. Os arquitetos são especialistas que oferecem soluções técnicas para suas necessidades. O cliente pode participar ativamente, mas é o profissional que o guiará pelo processo, inclusive tomando as decisões técnicas da maneira como considera mais adequado. Deposite sua confiança e aproveite essa fase de forma leve e prazerosa!



Seguindo essas dicas será mais fácil ficar tranquilo e ter uma boa parceria com seu arquiteto. Poderá curtir a parte boa do processo em vez de ficar ansioso com as obras. Agora vá em frente e comece a pesquisar!


Se quiser mais dicas ou tirar dúvidas, vou adorar ajudar.

Até mais :)

Posts Em Destaque

Conta pra gente o que você gostaria de ler aqui no blog.

Entre em contato!

Arquivo

Natália Salla

@nataliasalla.arq  contato@nataliasalla.com.br

Vila Mariana  |  São Paulo