Arquitetura     |    Decoração e Interiores     |     Nossas Histórias     |     Viagens     |     Diário de Reforma  

Capitólio e Serra da Canastra

16.05.2018

Conhecer o Brasil é uma meta pessoal, porque muitas vezes visitamos vários países e nos esquecemos das belezas do nosso, não é mesmo?!

Seguindo esse conceito, aproveitamos o último carnaval e fomos em busca do sossego de Capitólio. E encontramos! rs

 

Procurei bastante sobre roteiro e hotel nessa região e tive dificuldade em encontrar posts com as informações que eu precisava, por esse motivo resolvi compartilhar com vocês!

 

Ficamos em um hotel incrível localizado em Carmo do Rio Claro. Vale a pena ficar um pouquinho afastado de Capitpara estar ali. A Pousada Tabuleiro é um sossego, o quarto é uma delícia e o Fernando cozinha tudo para os hóspedes! 

 

Fomos de carro de São Paulo até lá, então da pousada até Capitólio eram 40 minutos de carro, bem tranquilo para ir e voltar todo dia!

 

 

 

 

 

 

O Café da manhã era cheio de opções gostosas e o jantar era sempre um banquete! rs Como somos vegetarianos, tínhamos certeza que íamos viver de macarrão todos os dias e estávamos conformados, mas quando avisamos o Fernando ele foi incrível e preparou opções super diversificadas e saborosas para nós!

 

 

 

A recepção na Pousada Tabuleiro é muito hospitaleira, daqueles lugares que você se sente em casa e quer voltar sempre, sabe?! Mas gente, não vão de dieta para lá, as refeições são irresistíveis e se você chegar no meio da tarde o Fernando já serve logo um bolo com cafézinho.... Ah!! O Café é Tabuleiro,  produzido na fazenda da pousada, demais, né?!

 

Na época eles estavam com um projeto de construir mais quartos e de instalar um ofurô na parte superior de cada um. ( Fernando, me avisa quando estiver pronto que vou voltar correndo!!! rs.... )

 

Falando sobre nosso roteiro, nos dividimos entre conhecer as queijarias do famoso Serra da Canastra, na região de São Roque, um pouco do parque nacional Serra da Canastra e as cachoeiras turísticas de Capitólio.

 

 

1° dia - Capitólio

 

Dedicamos nosso primeiro dia à conhecer o Mirante dos Canyons, em Capitólio. A vista é maravilhosa e você pode reservar um passeio de barco pelo lago de Furnas e ficar um tempo nadando por ali. 

Ficamos com vontade de ir em mais pessoas e alugar um barco mais particular, sabe? Pra fazer esse passeio com menos pressa. Foi incrível!

 

 

Na frente do Mirante dos Canyons existem vários barzinhos e restaurantes para almoçar ou tomar uma cervejinha enquanto espera pelo horário do passeio de barco.

 

Depois do passeio fomos até a cidade de Capitólio para conhecer mas, sinceramente, não tem nada por lá, rs, só uma feirinha e posto de gasolina. Vale a pena ficar pelas áreas mais turísticas mesmo.

 

2° dia - Capitólio

 

Durante o primeiro dia fizemos um reconhecimento local pelas redondezas do Mirante dos Canyons e no segundo dia escolhemos algumas cachoeiras com trilhas para visitar.

 

A primeira delas foi a Paraíso Perdido. Pagamos uma taxa de R$20,00 por pessoa para parar o carro e entrar nas trilhas. As quedas são bem pequenas e a estrutura conta com vestiários, mesinhas para pique nique, guias e um restaurante gostoso e barato! Gostamos muito do passeio e achamos um lugar interessante para quem vai com crianças!

 

 

Almoçamos por lá e partimos para a Lagoa Azul, que possui três trilhas que dão acesso às cachoeiras. Algumas trilhas são mais longas mas vale a pena a caminhada, as paisagens são lindas e o lugar é super preservado! Pagamos R$40,00 por pessoa. Achamos um pouco caro, mas é um local no qual você pode ir com as crianças e passar o dia todo porque tem restaurante, infra estrutura com parquinho, piscina e vestiários.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

3° dia - Serra da Canastra

 

Deixamos a Serra da Canastra para o terceiro dia, quando já estávamos mais descansados da viagem pois de Carmo do Rio Claro até a Serra da Canastra são cerca de 3 a 4 horas de viagem. Se vale a pena? Sim!

 

Fomos em busca do famoso queijo serra da canastra. As opções de produção artesanal são inúmeras, mas escolhemos duas: Roça da Cidade e Sítio do seu Mário.

 

Nossa primeira parada foi no Sítio do seu Mário, que é mais afastado da cidade. Tivemos sorte de não ter chovido no dia anterior, porque o acesso até lá é complicado e em dias de chuva imagino que fique quase impossível chegar lá.

Fomos recebidos pelo Seu Mário e sua esposa, que nos serviram alguns queijos, doce caseiro e uma boa prosa! 

Seu Mário nos mostrou  um pouco da fazenda, falou sobre como é criar os gados, produzir o queijo...Ele é um encanto de pessoa, foi um prazer enorme poder conhecê-lo!

 

Compramos aqui alguns queijos e um Café Artesanal local. O queijo é uma delícia, mas bom mesmo é ter a oportunidade de conhecer o Seu Mário, recomendo muito ir até lá!

 

 

 

 

De lá fomos visitar a queijaria Roça da Cidade. Eu nem me lembrei na hora, mas já acompanhava o Instagram deles há tempos!! rsrs Essa queijaria é maior do que a anterior e mais profissional. Os queijos são incríveis e eles vendem uma série de outros produtos artesanais locais para quem quiser aproveitar a viagem, como o maravilhoso Doce de Leite Roca, goiabadas, etc.

 

O grande destaque deles é o queijo Canastra Real, um espetáculo de sabor! O Restaurante Maní aqui em São Paulo usa esse queijo para algumas receitas. Já tivemos a oportunidade de ir ao restaurante e comer uma sobremesa com esse queijo, só não sabíamos que era dessa fazenda, rs. 

 

Trouxemos alguns tradicionais e um pedaço do Canastra Real também, claro! 

 

 

 

Existem muitas outras queijarias na cidade, mas escolhemos apenas essas duas para ter tempo de visitar também o Parque Serra da Canastra, onde fizemos a trilha até a a cachoeira Casca d'Anta, que tem 160m de queda e é linda!

 

De perto dá pra sentir a força da água caindo (e levar um banho sem nem estar embaixo! rsrs)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No último dia passamos a manhã na piscina da pousada descansando antes de pegar a estrada de volta para São Paulo.

 

Capitólio é lindo, revigorante, relaxante, mas estar em um bom hotel fez toda diferença. Recomendo muito a Pousada Tabuleiro para quem planeja ir até lá.

 

Queremos voltar em breve! rs

 

Beijos,

Natália.

 

 

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

O Quarto do #nossoape_43

27.06.2018

1/2
Please reload

Conta pra gente o que você gostaria de ler aqui no blog.

Entre em contato!

Arquivo

Natália Salla

@nataliasalla.arq  contato@nataliasalla.com.br

Vila Mariana  |  São Paulo